Abrir empresa de psicologia cenética Abrir empresa de psicologia cenética Abrir empresa de psicologia cenética

Super dicas como abrir um consultório de psicologia

Saiba como abrir um consultório de psicologia


Formar-se como psicólogo é certamente, encontrar uma excelente profissão, dando apoio às pessoas que têm necessidade, se você pensar em Psicologia Clínica, ou atendendo à área de Recursos Humanos das empresas, se pensar em Psicologia de RH.

CNPJ Para Psicologia - Preencha abaixo é grátis

Abrir um consultório clínico ou uma empresa voltada para Recursos Humanos, contudo, envolve uma série de burocracia da qual você não terá como fugir. Qualquer empresa, no Brasil, infelizmente ainda demanda um processo burocrático muito complicado. Vamos, neste artigo, fornecer algumas indicações que poderão facilitar a montagem de sua empresa:



1. Procure um sócio para montar seu consultório de psicologia

O trabalho de um consultório de psicologia não pode depender unicamente de uma pessoa, principalmente porque demanda disponibilidade para ter todo o horário para atendimento. Se você dividir a sua empresa com outro profissional, além de dividir os custos da montagem, também terá alguém que pode lhe prestar o apoio necessário.

2. Monte o consultório de psicologia num local bem localizado

A grande diferença para o ramo de atividade do seu empreendimento é o local. O consultório de psicologia precisa ter acesso fácil, com local que possua estacionamento e, preferencialmente, na área central da cidade, onde poderá ser facilmente localizado por toda a clientela.

3. O consultório de psicologia precisa ter empresa constituída

Qualquer plano de saúde exige empresas constituídas legalmente para poder conceder o credenciamento. Há diversas formas de fazer isso e você poderá consultar um contador para saber o mais adequado para o início das atividades (embora não existam grandes diferenças quando se pensa em tributação). A condição de pessoa jurídica tanto é interessante para os planos de saúde quanto para as empresas, certificando-se que você possa trabalhar com Psicologia Clínica ou Organizacional.

4. Procure um escritório de contabilidade confiável para o consultório de psicologia

Tem um contador de confiança é essencial para todas as atividades legais que o consultório de psicologia tiver de executar. Não se esqueça que você vai precisar também de um contador para registrar seus empregados e fazer os recolhimentos necessários sobre a folha de pagamento. Não se trata aqui de uma despesa supérflua: uma multa infracional sobre qualquer problema legal ou tributário pode sair muito mais caro do que a mensalidade que o escritório cobrar.

5. Credencie seu consultório de psicologia em planos de saúde

Trabalhar com convênios com planos de saúde tem seus lados bons e ruins. Alguns pagam relativamente bem e, o que é essencial: pagam em dia suas obrigações. Outros podem pagar menos e atrasar o pagamento. Ao fazer seus contratos com planos de saúde, esteja muito atento aos contratos de credenciamento e procure saber com outros psicológicos sobre a situação de cada empresa de plano de saúde. Com o passar do tempo, você poderá selecionar melhor os planos que lhe convenham, ficando com os melhores e descartando os que trazem problemas.

6. Não descarte os trabalho de psicologia organizacional no consultório de psicologia

Negocie com seu sócio para que haja também atendimento de psicologia organizacional, trabalhando com psicotécnico para empresas. Trata-se de uma área que, comercialmente, sempre atrai clientes e as empresas estão cada vez mais voltadas para os recursos humanos que possuem.

7. Mantenha-se atualizado com tudo o que ocorre na área da psicologia

Para manter o seu consultório de psicologia é preciso que você esteja sempre atualizado com sua atividade. Um bom curso de formação ou especialização é necessário para estabelecer um convênio com planos de saúde. Alguns até exigem um ou dois anos de experiência clínica comprovada para fechar contrato. Informe-se sobre isso a mantenha-se sempre em dia com o conhecimento de sua área.

8. Faça a divulgação do consultório de psicologia

Todo e qualquer momento e lugar é indicado para sua divulgação. Mantenha sempre em seu poder cartões do consultório e divulgue-o em encontros, palestras, entre as empresas, com os planos de saúde. Você não conseguirá sucesso se permanecer no anonimato. A propaganda é, sempre foi e sempre será a alma de qualquer negócio.

Caso você ainda não tenha condições de montar seu próprio consultório de psicologia, busque trabalho em clínicas já conhecidas, adquirindo a experiência necessária para montar seu próprio consultório. A experiência adquirida poderá lhe dar condições de dirigir o seu empreendimento, tornando-o um consultório de respeito em seu ambiente profissional.

Abrir Empresa EPP Abrir Empresa EPP Abrir Empresa EPP


Leia Também